Voando com a AZUL (POA-SDU)

__Azul_POA_sdu

– hora de voltar para casa, depois de uma reunião de trabalho na capital gaúcha; o melhor horário para voltar para o Rio de Janeiro era com a Azul, com um voo direto para o Aeroporto Santos Dumont; cheguei no Terminal 2 do Aeroporto Salgado Filho às 17:30h (uma hora antes de partida do voo)

– fiz check-in em um dos totems que a Azul oferece aos passageiros, uma opção sempre prática e rápida; nos guichês, havia uma fila de 10 pessoas

– a estrutura deste Terminal dedicado às operações da Azul é modesta e apertada: só há 02 aparelhos de raio-x, 04 portões de embarque e uma pequena lanchonete

IMG_9536

– o embarque foi iniciado às 18:10h pelo Portão 20; logo após a conferência de documentos, os passageiros acessam uma estrutura provisória que mais parece uma instalação militar; são corredores bem iluminados com teto baixo (com ar-condicionado) que te levam até a porta do avião, que é acessado por meio de uma escada

– de longe, já era possível ver os sorrisos da Comissária Líder Roberta recebendo os passageiros no Embraer E190, de prefixo PR-AZH, entregue à Azul em dezembro de 2009 (apelido “Azulcenter”); o voo estava cheio, cerca de 80% de ocupação

– meu assento (14D) era uma janela do lado direito, bem em cima da asa do E190; dei sorte, não havia ninguém ao meu lado e “expandi” minhas fronteiras e me esparramei pelas 02 poltronas (a configuração do E-jet é 2×2); o espaço para as pernas era satisfatório (selo B da ANAC)

– as aeronaves da Azul (que não são as mesmas da Trip) têm TV ao Vivo a Bordo e é um dos diferenciais da Azul; coloquei no SporTv e com certeza tornou a viagem de 90 minutos mais “leve”

– as portas foram fechadas às 18:32h, pushback foi feito às 18:35h e decolamos às 18:42h (um pequeno atraso)

– logo em seguida começou o ritual das 03 Comissárias que atendiam este voo: anotação das escolhas das bebidas (no meu caso, suco de manga), entrega das bebidas e desfile da tradicional bandeja dos snacks; escolhi a batata frita e as balinhas em forma de avião, tudo personalizado com logo da Azul

IMG_9545

– as 19:20h, foram recolhidos os copos e embalagens vazias dos snacks

– os passageiros têm à disposição a revista Azul Magazine, que traz grande variedade de reportagens (viagem, cultura, literatura e muita propaganda…são 14 páginas de anúncios antes da 1ª matéria)

– o E-190 tem 02 banheiros, um na parte da frente e um na parte de trás; na última viagem com a Azul, usei o lavatório da parte traseira e me surpreendi com o ótimo espaço dele; aproveitei este voo para conferir a parte dianteira: a curvatura do avião torna o espaço muito apertado

– às 19:55h o piloto anunciou que já estávamos próximos do pouso no SDU, o tempo na Cidade Maravilhosa estava bom, poucas nuvens, temperatura de 23 graus e pouso previsto para 20:11h

– trem de pouso foi armado às 20:11h e tocamos o solo carioca às 20:15h com total segurança, mas, como sempre, a pista curta exigiu uma forte frenagem do E-jet

AVALIAÇÃO GERAL: voar com a Azul é sempre uma experiência bacana; o conceito de serviço é bem diferente da concorrência e é realmente um diferencial; a cortesia e profissionalismo da tripulação também é um destaque; vale registrar que a pontualidade não está sendo uma virtude da Azul; além disso, o alto preço da passagem (R$ 800,00) também merece registro negativo.

Selo verde

3 respostas
  1. rose mary de a f r pereira
    rose mary de a f r pereira says:

    Concordo Cadu.Os precos são bem elevados , principalmente quando temos que nos deslocar para o interior e ela é a única que presta este serviço. Felizmente, pra minha região de Minas Gerais está entrando uma concorrente.
    Gosto tambem das aeronaves e do serviço de bordo, apesar de não ter a experiência que você tem.

    Responder
    • voandoeavaliando
      voandoeavaliando says:

      É verdade! Sem competição, as passagens ficam cara naturalmente.
      A Flyways vem para quebrar o monopólio da Azul no trecho BH-Ipatinga, espero que os preços baixem. Já avaliei esta nova empresa no final de 2015 e a impressão foi boa.

      Responder
  2. Heloisa Oliveira
    Heloisa Oliveira says:

    Mês passado voei pela Azul pra Foz do Iguaçu. Foi a primeira vez que andei de avião. Paguei quase $800 pra ida e volta porque o meu foi vôo de conexão. Apesar disso, gostei de andar de avião, quero fazer isso mais vezes.

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.