O FIM DA PRODUÇÃO DO AIRBUS A380

O Airbus A380 é considerado o maior avião de passageiros do mundo e os números a eles associados são simplesmente incríveis:

  • tem 04 turbinas, que permitem uma decolagem com até 575 toneladas de peso
  • tem 02 andares, podendo carregar mais de 800 pessoas (dependendo da configuração de cabine)
  • pode voar por mais de 15.000 km a uma velocidade de 900km/h, a uma altura de 13.000 metros (43.000 pés) e carregando mais de 320.000 litros de combustível
  • a superfície das asas medem 845 metros quadrados
  • tem medidas impressionantes: mais de 72 metros de comprimento, quase 80 metros de distância entre as pontas da asa e 24 metros de altura (o equivalente a um prédio de 06 andares)
  • tem 220 janelas

A história deste gigante dos ares começou em 25 de outubro de 2007 quando a SINGAPORE AIRLINES realizou o primeiro voo comercial, voando de Singapura para Sydney/Austrália, com 471 passageiros a bordo.

Em agosto de 2017, eu publiquei um post aqui no V&A (confira AQUI) sobre a ocorrência de um fato histórico no mundo da aviação comercial: a aposentadoria do primeiro Airbus A380, medida tomada justamente pela SINGAPORE AIRLINES, que portanto, além de ser a cliente lançadora do modelo, foi a primeira a “encostá-lo”.

Em janeiro de 2018, “comemorei” a notícia nas redes sociais do V&A de que a EMIRATES, que já era a maior operadora do A380, tinha encomendado mais 36 unidades do gigante e, com isso, estava garantindo a continuidade da linha de produção do modelo junto à Airbus.

Post no Facebook do V&A de 18 de janeiro de 2018

Atualmente, são 14 companhias aéreas operando o A380: Emirates (que possui a maior frota, com mais de 100 unidades), Singapore Airlines, Lufthansa, Qantas, British Airways, Air France, Etihad, Qatar Airways, Korean Air, Asiana Airlines, Malaysia Airlines, Thai Airways, Southern Airlines e Hi-Fly (que arrendou uma das aeronaves que foram devolvidas pela Singapore Airlines). A japonesa ALL NIPPON AIRWAYS vai receber, no futuro próximo, uma unidade do gigante e se tornar a 15ª empresa.

Frota atual de A380

A única companhia que opera o A380 para o Brasil é a EMIRATES, com voos diários de Dubai/DXB para Guarulhos/GRU. Este voo foi iniciado em março de 2017 e eu estava no maior aeroporto brasileiro para acompanhar o primeiro pouso da operação regular (confira AQUI mais detalhes).

A380 da Emirates chegando pela 1ª vez em Guarulhos

Eu já voei 03 vezes no A380: (1) em 2012, de Singapura para Londres/Inglaterra, com a SINGAPORE AIRLINES, na classe Executiva, (2) em 2016, de Doha/Qatar para Bangkok/Tailândia, com a QATAR AIRWAYS (confira AQUI como foi o voo em classe Executiva) e (3) em 2016, de Londres/Inglaterra para Johanesburgo/África do Sul, com a BRISTISH AIRWAYS (confira AQUI como foi o voo em classe Executiva).

Inside Cabin do A380 da Singapore Airlines

Inside Cabin do A380 da Singapore Airlines

Lounge no upperdeck do A380 da Qatar Airways

Assento da classe Executiva do A380 da Qatar Airways

Escada de acesso ao upperdeck do A380 da British Airways

Asa direita do A380 da British Airways

Entretanto, vários sinais de que a história do A380 poderia mudar estavam sendo dados: além da EMIRATES, nenhuma outra companhia aérea demonstrou interesse na encomenda de novas aeronaves nos últimos anos, o preço do petróleo – em alta – é um fator relevante para os resultados operacionais e os modelos mais atuais (Boeing 787, Airbus A350 e Airbus A330Neo) trazem performance operacional mais eficiente do que o gigante de 02 andares.

Em Comunicado Oficial realizado em 14 de fevereiro de 2019, a história do A380 tomou um novo rumo: foi anunciado que a EMIRATES, a companhia do Golfo que dava vida ao futuro do programa, chegou a um acordo com a AIRBUS para converter parte dos pedidos futuros do gigante em outras aeronaves de fuselagem larga produzidas pela fabricante européia. Com os novos termos do contrato, serão entregues 40 A33o-900 (que já está sendo operado pela portuguesa TAP e voando para o Brasil) e mais 30 A350-900 (que a LATAM usa em várias rotas partindo do Brasil). Agora, a EMIRATES receberá somente 14 aeronaves nos próximos 02 anos.

Este é um trecho deste Comunicado:

Emirates has also decided to continue growing with Airbus’ newest generation, flexible widebody aircraft, ordering 40 A330-900 and 30 A350-900 aircraft.”

“As a result of this decision we have no substantial A380 backlog and hence no basis to sustain production, despite all our sales efforts with other airlines in recent years. This leads to the end of A380 deliveries in 2021,” said Airbus Chief Executive Officer Tom Enders. “The consequences of this decision are largely embedded in our 2018 full year results”.

“The A380 is not only an outstanding engineering and industrial achievement. Passengers all over the world love to fly on this great aircraft. Hence today’s announcement is painful for us and the A380 communities worldwide. But, keep in mind that A380s will still roam the skies for many years to come and Airbus will of course continue to fully support the A380 operators,” Tom Enders added.

“The A380 is Emirates’ flagship and has contributed to the airline’s success for more than ten years. As much as we regret the airline’s position, selecting the A330neo and A350 for its future growth is a great endorsement of our very competitive widebody aircraft family,” said Guillaume Faury, President of Airbus Commercial Aircraft and future Airbus CEO. “Going forward, we are fully committed to deliver on the longstanding confidence Emirates is placing in Airbus.”

Como bem foi ressaltado pelo Presidente da Airbus, a anúncio de que a linha de produção será encerrada daqui a 02 anos não significa dizer que a história do A380 está próxima do fim, pois as unidades atualmente em operação continuarão transportando passageiros por mais muitos e muitos anos.

Pesquisando no meu acervo, reparei que tenho que correr atrás para fazer registros das aeronaves da Malaysia Airlines, Thai Airways e Hi-Fly, pois tenho fotos das máquinas das demais 11 companhias aéreas que atualmente voam o A380. Confira algumas delas, que foram tiradas em vários aeroportos do mundo: Los Angeles/LAX, Dusseldorf/DUS, Frankfurt/FRA, Doha/DOH, Sydney/SYD e Londres/LHR.

A380 da Emirates pousando em Los Angeles/Estados Unidos

A380 da Emirates pousando em Dusseldorf/Alemanha

A380 da Lufthansa pousando em Los Angeles/Estados Unidos

A380 da Lufthansa taxiando em Frankfurt/Alemanha

A380 da Air France pousando em Los Angeles/Estados Unidos

A380 da Singapore Airlines taxiando em Sydney/Australia

A380 da Asiana Airlines pousando em Los Angeles/Estados Unidos

A380 da ASIANA taxiando no Aer. de Frankfurt

A380 da Etihad estacionado em Sydney/Australia

A380 da Etihad pousando em Londres/LHR

A380 da Korean Air pousando em Los Angeles/Estados Unidos

A380 da Korean Air pousando em Los Angeles/Estados Unidos

A380 da Qantas estacionado em Sydney/Australia

A380 da Southern Airlines estacionado em Los Angeles/Estados Unidos

A380 da Qatar Airways pousando em Londres/LHR

A380 da Qatar Airways taxiando em Doha/Qatar

A380 da British Airways estacionado em Londres/Inglaterra

A380 da British Airways pousando em Londres/LHR

E você, já teve a oportunidade de voar no Airbus A380?

Bons voos!

V&A

Notícia formulada em 17.02.2019, com fotos incluídas em 17.03.2019

Fontes:

www.wikipedia.org

www.airbus.com/newsroom/news-by-market/aircraft-news.html

www.airfleets.net/

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.