VOANDO COM A AIR FRANCE (MAD/CDG)

– esta é a continuação da viagem de Lisboa até Paris, que foi feita em 02 etapas: voei da capital portuguesa até Madrid/MAD a bordo do Embraer E-195 da AIR EUROPA (confira AQUI a avaliação completa), onde cheguei um pouco antes das 18:00h, já tendo em mãos o meu cartão de embarque para o voo da AIR FRANCE (AF1101) que me levaria da capital espanhola até a capital francesa, que estão distantes por 661 milhas de distância (cerca de 1.060 quilômetros)

Embraer da Air Europa – Voo Lisboa/Madrid

Passaporte e Boarding Pass – Voo AF1101

O AEROPORTO DE MADRID

– logo depois que acessei o terminal de passageiros de Madrid, consultei os grandes painéis eletrônicos e o Portão de Embarque para o voo AF1101, com partida marcada para 20:15h, ainda não tinha sido definido; arrumei um lugar tranquilo para ficar, aproveitando para reorganizar minha mala de mão e colocar as baterias das máquinas e o celular para carregar (uma TV da Samsung fica instalada perto de algumas cadeiras acolchoadas, com tomadas instaladas na sua base)

Painéis Eletrônicos – Informações dos voos

TV Samsung e tomadas para carregar equipamentos

Cadeiras – Área de Embarque – Aeroporto de Madrid

– um janelão de vidro (razoalvelmente limpo) era um convite para fotografar algumas aeronaves de companhias aéreas que, em especial, não voam no Brasil, por isso fiquei atento ao movimento dos pátios para “clicar” o Airbus A320 da portuguesa AZORES AIRLINES, Boeing 737-800 da RYANAIR, A300 cargueiro da DHL, Boeing 737-800 da AIR EUROPA, Boeing 737-800 da TRANSAVIA, Bombardier CRJ-1000 da AIR NOSTRUM/IBERIA, Airbus 321 com pintura retrô da LUFTHANSA, Airbus A319 da TAP, Boeing 737-800 da NORWEGIAN e Boeing 737-800 da KLM

Visão do pátio – Aeroporto de Madrid

Airbus A320 – Azores Airlines (Portugal)

Airbus A300 – DHL (cargueiro)

Boeing 737-800 – Ryanair

Boeing 737-800 – Transavia

Caudas – Swiss, Air Europa e Air France

Bombardier – CRJ1000 – Air Nostrum/Iberia

Boeing 737-800 – Air Europa

Airbus A321 – Lufthansa (pintura retrô)

Airbus A319 – TAP + Boeing 737-800 – KLM e Norwegian

Boeing 737-800 – KLM

– eram 19:00h quando fiz nova consulta e o Portão E78 já estava indicado nos painéis para o embarque do meu voo para Paris; ele ficava na extremidade da Asa E do Aeroporto de Madrid, eu estava um pouco longe (na Asa D), decide partir logo, foram 10 minutos de caminhada, com esteiras rolantes facilitando o deslocamento

Esteiras rolantes – Aeroporto de Madrid

Esteiras rolantes – Aeroporto de Madrid

– eu gosto muito do Aeroporto de Madrid, ele tem uma ótima estrutura, é espaçoso, funcional e limpo; as grandes janelas de vidro trazem iluminação natural e dão um ar aconchegante ao terminal de passageiros

Janelas de vidro – Aer. de Madrid

Saguão de Embarque – ASA E – Aer. Madrid

Máquina – Venda de biscoitos e bebidas

Aeroporto de Madrid

Aeroporto de Madrid – Área Kids

– as lojas do Duty Free Shop são grandes e bem coloridas, as compras de última hora estão garantidas, a variedade de produtos é grande

Duty Free Shop – Aer. Madrid

Duty Free Shop – Aer. Madrid

– quando cheguei lá no Portão E78, o Airbus A318 (o menor avião fabricado pela AIRBUS e que no Brasil é utilizado pela AVIANCA, são 07 unidades deste modelo em operação atualmente na companhia brasileira), já estava estacionado

Portão E78 – Aer. Madrid

Airbus A318 – Air France – Aer. Madrid

– uma funcionária usou o sistema de áudio do saguão às 19:30h para anunciar que o embarque estava próximo e deu as orientações para a organização das filas de acordo com a sequência de embarque: 1) famílias com crianças, 2) passageiros da Business Class ou com status Sky Priority, 3) galera que não tinha bagagem de mão, 4) pessoas sentadas entre as fileiras 15 a 24 e, finalmente, 5) quem ocuparia as fileiras 01 a 14

Fila para embarque – Portão E78 – Voo AF1101

Fila para embarque – Portão E78 – Voo AF1101

O EMBARQUE NO A318

– o embarque foi iniciado realmente às 19:37h; respeitando a ordem de entrada dos passageiros definida pela AIR FRANCE, eu entrei somente às 19:50h

Embarque no Airbus A318 – Air France

lencinhos umedecidos estavam disponíveis em uma cesta de madeira logo na entrada do avião, em um “balcão” que fica na frente da 1ª fileira da classe Executiva

Lencinhos Umedecidos – Air France

– 03 simpáticos e sorridentes comissários suportariam o voo, que seria operado pelo A318 de prefixo F-GUGF, que sempre teve as cores da AIR FRANCE, desde de seu 1º voo em abril de 2004

Airbus A318 – Air France – Aer. Madrid

Airbus A318 – Air France – Aer. Madrid

Airbus A318 – Air France – Aer. Madrid

– a configuração interna era a tradicional 3 x 3 para este modelo de aeronave (três poltronas de cada lado), mas o ambiente geral da cabine deste A318 era bem bonito: as poltronas logo me chamaram a atenção, eram muito mais finas do que o normal e mais estilosas também, forradas com tecido azul escuro com uma capinha branca e vermelha no encosto de cabeça; neste Airbus, a AIR FRANCE “copiou” a ideia da famosa low-cost Ryanair: os assentos não reclinam;  na poltrona da frente, além da tradicional bandeja, um porta-copos também está instalado

Inside – Airbus A318 – Air France

Inside – Airbus A318 – Air France

Inside – Airbus A318 – Air France

Inside – Airbus A318 – Air France

não há sistema de vídeo instalado, nem mesmo coletivo; além disso, não tinha tomada ou porta USB para carregar o celular; o espaço para pernas era reduzido, a AIR FRANCE usou uma configuração de alta densidade neste A318

Espaço para pernas – Airbus A318 – Air France

– o voo estava lotado e os últimos passageiros que embarcaram tiveram dificuldades de acomodar suas malas, mas contaram com a boa vontade de um dos comissários para arrumar um espaço

– foi feito um anúncio do capitão deste voo, primeiro em francês e depois em inglês: ele informou que estávamos quase prontos para a partida, que a duração estimada de viagem era de 01 hora e 50 minutos e que a temperatura em Paris era de 18 graus

O VOO PARA PARIS

– o pushback do pequenino Airbus foi iniciado às 20:06h, portanto, partimos antes do horário, e tivemos um longo taxiamento, cruzamos o aeroporto inteiro para decolar da pista que fica perto do Terminal 4, onde são operados os voos de longa duração; no trajeto, vi de longe um Airbus A380 da EMIRATES estacionado perto da Torre de Controle de MAD

Taxiamento – Aer. de Madrid

A380 da Emirates + Torre de Controle de Madrid

– perto da cabeceira, o A318 da AIR FRANCE se colocou atrás de um B738-800 da RYANAIR e de um A320 da IBERIA, erámos o 3º na fila para a sequência de decolagem

B737 da Ryanair + A320 da Iberia

– a aceleração em potência máxima foi iniciada às 20:21h e os 02 motores CFM56 empurraram o A318 para frente por 31 segundos até que ele começasse a ganhar altitude; era justamente a hora do crepúsculo, anoiteceu rápido lá fora

Decolagem A318 – Air France – Madrid/Paris

Decolagem A318 – Air France – Madrid/Paris

Decolagem A318 – Air France – Madrid/Paris

Decolagem A318 – Air France – Madrid/Paris

Decolagem A318 – Air France – Madrid/Paris

Decolagem A318 – Air France – Madrid/Paris

Decolagem A318 – Air France – Madrid/Paris

– com apenas 03 Comissários, somente às 21:00h o serviço de bordo chegou na minha fileira: a AIR FRANCE oferecia 02 sabores de sanduíche (queijo ou presunto) e muitas opções de bebida, escolhi o vinho tinto: recebi copo e garrafinha de plástico

Serviço de bordo – Air France – Madrid/Paris

Porta-copos – A318 – Air France

– no bolsão da poltrona da frente, a maior companhia francesa coloca a revista de bordo “Madame” (a única opção de entretenimento a bordo) e o cartão com as instruções de segurança

– começamos o procedimento de descida logo depois que terminei de comer, às 21:20h; foi possível perceber a diminuição de potência dos motores e meu ouvido começou a acusar que já estávamos perdendo altitude

– na configuração escolhida pela Air France, somente 01 banheiro está instalado na parte traseira da aeronave; uma fila de 04 pessoas, no 1º momento, me levou a desistir de ir lá conferir, mas logo depois ninguém estava por lá; e me surpreendi: o toalete era espaçoso e estava limpinho

Seat Guru do A318 – destaque dos banheiros

Banheiro do A318 da Air France – Pia

Banheiro do A318 da Air France – Vaso

– na volta para o meu lugar, aproveitei para tirar mais uma foto com a visão da cabine lotada do Airbus da AIR FRANCE

– o trem de pouso foi armado e travado às 21:58h, tocamos o solo parisiense 03 minutos depois, de forma extremamente suave, o Airbus não precisou de muita pista para começar a taxiar em CDG; o aeroporto é gigantesco, só fomos encostar no terminal às 22:10h; naquela parte do aeroporto, havia uma concentração de A318s da AIR FRANCE

Airbus A318 – Air France – Aer. Paris/CDG

Airbus A318 – Air France – Aer. Paris/CDG

Airbus A318 – Air France – Aer. Paris/CDG

– o Aeroporto Charles de Gaullle é o maior aeroporto francês: em 2016, mais de 65 milhões de pessoas passaram por lá em seus 03 Terminais e mais de 470.000 pousos e decolagens foram operados; a área de devolução de bagagens do Terminal 2 permite uma noção do tamanho deste aeroporto

Devolução de bagagens – Aer. de Paris

AVALIAÇÃO GERALo valor da passagem não foi baixo para uma “ponte aérea” de  Madrid para Paris com voo de manos de 02 horas de duração conjugada com um voo de apenas 01 hora de Lisboa para a capital espanhola (operado pela AIR EUROPA), mas é preciso levar em consideração que a compra foi feita com pouca antecedência; entre as opções disponíveis, acabou sendo a melhor relação custo-benefício possível; o Aeroporto de Madrid é muito bom, oferece conforto aos passageiros que passam por lá; não foi fácil achar tomadas para carregar meus equipamentos; as janelas grandes e limpas são ótimas para os apaixonados por aviação, é possível fazer bons registros dos movimentos das aeronaves no pátio; o A318 estava lotado e, apesar de pequeno, parece funcionar bem para uma rota de 110 minutos; a poltrona não reclinava e o espaço para as pernas era reduzido na configuração da companhia francesa; além disso, não tinha sistema de entretenimento a bordo; o voo foi operado com eficiência e pontualidade, o pushback foi feito antes da hora e pousamos no horário em Paris; o serviço de bordo foi bem conveniente: gratuito, com 02 opções de sanduba e com bebida alcoólica; a tripulação teve atitude cordial e “friendly” durante todo o voo, a ajuda aos passageiros para acomodar as bagagens de mão demonstra a disposição de servir da tripulação; no geral, foi uma experiência muito interessante com a AIR FRANCE

1 responder
  1. Emanoel Chaves
    Emanoel Chaves says:

    O aeroporto de Madri é realmente muito bom! Visitei a Espanha e Portugal, mês passado. O único inconveniente que eu achei foi a longa caminhada e a viagem de trem do terminal T4S até a saída do aeroporto. O processo de desembarque é longo demais. Os Duty Free de MAD são realmente muito bons! A grande sacada que eu achei deles foi a de eles venderem como souvenir produtos gastronômicos típicos da Espanha, como os embutidos e os azeites. Só fiquei chateado de não ter encontrado à venda miniaturas de aviões da Iberia para comprar.

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *