Voando com a LATAM (MAD/FRA)

label_latam-mad-fra

– estávamos na Europa para uma semana de (tentativa) de descanso na Espanha, fomos para Barcelona, onde estivemos por 04 dias, depois pegamos um trem de alta velocidade para Madrid, onde ficamos por apenas 03 dias; o voo da ida foi feito com a LATAM, a bordo do B767-300, saindo de Guarulhos (confira a avaliação completa aqui)

COMPRA DA PASSAGEM

– o retorno para o Brasil estava marcado para um voo da LATAM de Frankfurt para São Paulo, depois Rio de Janeiro (Galeão), aproveitei uma daquelas promoções que são realizadas em fins de semana e emiti a passagem gastando apenas 26.000 pontos para voar na classe Econômica do B777-300; faltava arrumar um jeito de ir de Madrid para Frankfurt, pois esta promoção não contemplou os voos saindo da capital espanhola 

– quando estava fazendo as minhas pesquisas de voos e preços, com foco nas companhias low-cost, lembrei que a LATAM voa de Santiago do Chile para Frankfurt com uma escala em Madrid, fazendo uso do chamado “Fifth Freedom Route” (é por causa deste tratado internacional que a Turkish Airlines, por exemplo, voa de Istambul para Buenos Aires com escala em São Paulo ou a Emirates voa de Dubai para Buenos Aires com escala no Rio de Janeiro)

– quando consultei o site da LATAM, a passagem estava sendo vendida a míseros R$ 66,00 + taxas e o horário servia bem, chegaria em Frankfurt quase 03 horas antes do voo para Guarulhos 

precos-latam_mad_fra

O CHECK-IN NA LATAM

– entrei na Internet do hotel logo que o prazo de 24 horas antes do horário do voo foi completado (as regras dos voos operados pela LATAM GROUP são diferentes das aplicadas pela LATAM BRASIL, que abre o check-in 72 horas antes) mas não consegui completar o processo de check-in antecipado, o sistema não reconhecia de jeito nenhum o meu código de reserva que eu recebi por e-mail quando comprei a passagem

– achei melhor ligar para o Call Center no Brasil e o atendimento foi muito longo, foi difícil para o atendente descobrir o que estava acontecendo, até que, depois de 15 minutos veio a solução: como o voo era operado pela  companhia LATAM GROUP (e não pela LATAM BRASIL) eu precisava usar um código de reserva diferente daquele que eu tinha recebido no e-mail, ou seja, na verdade, a integração entre as companhias que formam o grupo LATAM ainda não aconteceu de fato

Boarding Pass - LATAM - MAD/FRA

– aproveitei a ligação para solicitar o meu upgrade para classe Executiva, afinal, como portador do cartão BLACK do Programa Fidelidade, eu tenho direito a esta facilidade; nova surpresa: como o voo era operado pela LATAM GROUP, a minha classe de tarifa não permitia; é isto mesmo, eu comprei a passagem pelo site da LATAM no Brasil, em tese estamos falando de uma única companhia, mas existem regras diferentes a depender de quem opera o voo

O AEROPORTO DE MADRID 

é possível ir de metrô para o Aeroporto de Madrid, há uma estação no Terminal 4; desta vez, decidimos ir de taxi, estávamos com muitas malas, a ideia de ir de metro foi descartada, pois a maioria das estações não tem escada rolante para acesso; 30 euros é preço fixo para qualquer táxi saindo de qualquer ponto do Centro de Madrid, sem chances de trapaças ou problemas 

– chegamos no Terminal 4 às 12:40h e fomos direto fazer o procedimento de Tax Free, o guichê para carimbar as notas fiscais fica ao lado da área de controle de segurança do aeroporto; demos sorte, não pegamos fila e o fiscal não pediu para ver os itens comprados para os quais estávamos pedindo o reembolso dos impostos pagos

– menos de 10 minutos depois já chegávamos na ampla área de check-in da LATAM, que estava vazio; o atendimento foi ótimo, informei que tínhamos 02 bilhetes diferentes (de Madri para Frankfurt e depois de Frankfurt para o Rio de Janeiro, com conexão em São Paulo) e conseguimos pegar todos os cartões de embarque da jornada e as malas foram etiquetadas até o destino final

 – o Terminal 4 do Aeroporto de Madrid é enorme e para acessar a área de embarque é preciso descer várias escadas rolantes (ou pegar o elevador que está sempre cheio) e depois pegar um trem; tudo é bem sinalizado, a comunicação chega a ser ostensiva, a transição não é simples, mas é difícil se perder 

A SALA VIP DA IBERIA

– os passageiros da LATAM em Madrid utilizam a Sala VIP Velazques, que pertence à IBERIA, parceira da aliança ONE WORLD; a entrada deste lounge é no meio de uma enorme loja Free Shop; com horário de embarque marcado para 14:10h (o voo partia às 15:10h) chegamos lá às 13:35h e nos apressamos para comer logo: somente alguns snacks e frios estavam disponíveis para comer, mas havia uma ampla opções de bebidas, além de uma geladeira com sorvetes Häagen Dazs

– logo depois que terminamos de comer, por volta de 14:00h, as funcionárias da Sala VIP começaram a servir vários pratos quentes (carnes, batata assada, arroz e legumes), ou seja, o almoço tinha sido servido, demos mole em comer os snacks logo que chegamos

jantar - Sala VIP Iberia - Madrid

– este lounge é excelente, já tinha passado aqui em outras ocasiões e o seu tamanho sempre me chama a atenção: é enorme e tem vários ambientes, para todos os gostos; já tomei banho aqui quando voei de Madrid para Santiago em outubro de 2015 (voo da LAN CHILE, veja a avaliação completa aqui), vale a pena, mas desta vez não tinha tempo para isso

O EMBARQUE NO B787-9

– o sistema de áudio da Sala VIP anunciou às 14:15h que o embarque do voo LA704 tinha sido iniciado pelo Portão S40; foram menos de 05 minutos de caminhada até lá; a estrutura do saguão de embarque em Madrid é muito boa, o terminal é modermo e a decoração chama a atenção; chovia na capital espanhola nesta tarde de 6ª feira

– 0 Boeing 787-9 escalado para este curta jornada dentro da Europa tinha prefixo CC-BGL, é uma das unidades mais novas da frota da LATAM, foi entregue em junho de 2016 (ou seja, tem menos de 06 meses de “idade”) e já está pintado com as novas cores da grupo sul-americano (as fotos foram tiradas da Sala VIP)

– na classe Econômica, a configuração interna da cabine é 3 X 3 x 3, com uma variação de cores no estofado das poltronas (vermelho, azul e cinza); a tela do sistema de vídeo é individual e um fone de ouvido estava colocada em cima de cada assento; o voo estava completamente lotado, 100% de ocupação dos 30 lugares da Executiva e dos 283 da Econômica

– meu assento era o 20A, uma janela na parte esquerda do avião (bem em cima da enorme asa do Boeing), o que permitiu que eu visse a chuva forte que caía lá fora; o espaço para as pernas era pouco generoso, ainda bem que o voo não era de longa duração

_seat-guru_b787-latam

– o Comandante se dirigiu a todos informando que teríamos um pequeno atraso de 10 minutos, pois estávamos  esperando alguns passageiros em conexão; ele informou também que a duração do voo seria de 02 horas e 30 minutos; eram 15:15h quando os “atrasados” chegaram e 05 minutos depois o Capitão falou o tradicional “tripulação, portas em automático 

– por fim, Chefe de Cabine Victor se apresentou e informou que estava à disposição para qualquer problema durante o voo

O VOO PARA FRANKFURT

– o pushback foi feito às 15:30h, ou seja, um atraso de 20 minutos com relação ao horário previsto de partida, não é pouco; o taxiamento foi rápido, chegamos na cabeceira da pista às 15:40h, o B787 fez uma curva à esquerda e já acelerou para a decolagem; foram 50 segundos de aceleração extremamente silenciosa e máxima dos 02 motores RollysRoyce que equipam o B787 da LATAM 

– o B787 não tem cortinas nas janelas, a Boeing desenvolveu uma tecnologia que permite o escurecimento de forma eletrônica; o botão que regula a intensidade de luz fica logo abaixo da janela e o sistema funciona muito bem 

– o serviço de bordo foi iniciado por volta de 16:00h; os Comissários entregaram uma caixinha estilizada com a marca da LAN (nada da nova marca LATAM) com um sanduíche de peito de peru defumado e um chocolate KitKat, acompanhados de grande variedade de bebidas, inclusive alcóolicas: escolhi o vinho branco (servido em copo de plástico) e o café (da marca Juan Valdez, colombiana, que adoro) para acompanhar

– o sistema de vídeo desta máquina da LATAM é muito bom: a tela tem alta resolução e é touchscreen e todos os comandos são feitos nela, inclusive acender a luz e acionar o chamado de comissária; há muito conteúdo em português e aproveitei para terminar de ver “Independence Day – 20 anos depois“, pois no voo da ida (GRU-BCN) não deu tempo; o fone de ouvido estava em embalagem de plástico e trazia a logomarca antiga da LAN

– durante o voo, o sol bateu forte na minha janela; na fase inicial do voo, o céu não estava azul, um ambiente nublado fazia a paisagem lá fora; mas depois que atingimos a velocidade de cruzeiro, um colorido céu apareceu

– o B787-9 da LATAM tem 05 banheiros instalados: 03 estão na parte central e 02 na parte traseira; o tamanho é razoável apenas e lencinhos umedecidos não estão disponíveis aos passageiros

– eram 17:10h quando o Capitão se dirigiu a todos mais uma vez para informar que tínhamos iniciado o procedimento de descida para pouso em Frankfurt; muitas nuvens lá fora neste final de tarde e início do anoitecer na Alemanha, a fase final do voo foi marcada por uma leve e não preocupante turbulência; pousamos de forma suave e segura às 17:36h; o maior aeroporto alemão é gigantesco, o taxiamento foi longo e encostamos no finger somente às 17:52h, encerrando com sucesso mais um voo da LATAM

AVALIAÇÃO GERAL: foi uma experiência interessante, afinal voar dentro da Europa em um avião wide-body não é comum; a relação custo-benefício foi excelente, apesar da “pegadinha” de não poder pedir upgrade; o fato de poder despachar as malas em Madrid diretamente até o Rio de Janeiro foi excelente; o B787-9 é uma máquina de 1ª qualidade, tudo é moderno e funciona, com destaque para o sistema de vídeo, mas o espaço para as pernas poderia ser maior; com centenas de pessoas para atender, o contato com os Comissários é muito restrito, mas percebi um tripulação com atitude correta durante o voo; o serviço de bordo é simples, mas o chocolate KitKat e o fato de servir bebida alcóolica elevam um pouco o nível; no geral, foi uma ótima opção para voar de Madrid para Frankfurt

_selos-avaliacao_mad-fra

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *